Tudo igual na frente com revolução no meio da tabela

Apesar de estarmos a alcançar a metade da época, a tabela classificativa continua a baralhar-se todas as semanas. Isso torna-se mais evidente a meio da tabela e isso deve-se fundamentalmente ao grande equilíbrio que por lá habita. A diferença entre o quinto lugar e o décimo terceiro é a mesma que existe entre o primeiro classificado e o terceiro, onze pontos.

Iniciamos a nossa ronda habitual pelo Vet. Vila Chã x ACD Mindelo que terminou com a vitória da equipa da casa por um zero. Com este resultado César termina com a série de resultados menos positivos e termina também com os resultados positivos que a equipa de Mindelo vinha conseguindo.

Por Vilar, continua-se a sorrir após a equipa conquistar o sétimo ponto nos últimos cinco jogos com uma vitória sobre o Malta FC por duas bolas a zero. Assim o Desp. Vilar mantém o nono lugar, mas aproxima-se das posições superiores enquanto o Malta FC perdeu a oportunidade de também encurtar distâncias e é décimo quinto.

O ACD Fornelo foi goleado em casa pelo ACD Fajozes que voltou finalmente às vitórias com o resultado de uma bola a cinco e subiu uma posição para o sétimo posto. O ACD Fornelo mantém-se em décimo sexto com dez pontos.

O ACD Arcos continua a sua impressionante recuperação e já é décimo classificado após vencer o ADC Retorta. A equipa de arcos somou mais pontos nestas duas semanas repletas de jogos do que na restante competição e impulsionou bastante a sua ascensão. Já o ADC Retorta somou apenas cinco pontos nos últimos cinco jogos e caiu para a oitava posição.

O AD Labruge não conseguiu levar a melhor sobre o Aveleda FC e acabou por perder por uma bola a zero. Este resultado aproxima os homens de Aveleda dos três primeiros lugares beneficiando dos quatro jogos sem vencer do GD Tougues. O AD Labruge apenas pode olhar para estas duas semanas e ficar feliz com os sete pontos alcançados. Tantos como os até então conquistados. Mantêm o décimo quarto posto.

O CDCR Gião segue a todo o gás, somando mais três pontos na vitória por dois zero frente ao CCD Macieira. A equipa de Gião é agora quinto classificado e já olha de perto para o top-3. A formação de Macieira somou a segunda derrota nos últimos cinco jogos e viu a sua posição descer dois lugares.

O ACRD Vairão não conseguiu impedir o ímpeto matador da equipa do GD Árvore e sofreu uma derrota por três golos sem resposta. Desta forma a equipa de Vairão segue em décimo sétimo e a formação de Árvore mantém os seis pontos de diferença sobre o segundo lugar.

No passado Domingo transmitimos o GD Tougues x Bagunte FC naquele que seria o jogo de disputa pelo segundo lugar. O resultado final sorriu aos visitantes que se mostraram mais eficazes e coesos durante todo o jogo. Foi um jogo bastante disputado, talvez com maior pendor no desenvolvimento do jogo para o Bagunte FC.

O Bagunte FC dez questão de pressionar muito alto, o que fez com que o jogo se desenrolasse maioritariamente no meio campo da equipa da casa, sendo que o GD Tougues soube adaptar-se e tirar partido dessa situação explorando por diversas vezes a velocidade dos seus atacantes. Não foram criadas grandes oportunidades de golo nem na primeira nem na segunda parte e os golos acabaram mesmo por surgir no final de cada parte. O primeiro foi aos quarenta e cinco minutos de jogo e foi simplesmente uma cobrança de livre incrível à entrada da área. Ricardo Fonseca sacou da régua e esquadro e colocou a bola de forma tensa no poste direito da baliza de João Maravalhas, sem qualquer tipo de possibilidades de defesa para o guardião. O segundo golo nasce com a dificuldade da defesa de Tougues em aliviar a bola do seu reduto mais defensivo, com o número dez do Bagunte FC, António Serrão a recuperar a bola e deixar para João Campos que vê Luís Sousa completamente sozinho no lado esquerdo do ataque e passa na diagonal. Luís Souza não desperdiça o cara-a-cara com Joaquim Castro, que, entretanto, rediria João Maravalhas que saiu por lesão, e coloca a bola no fundo das redes perfazendo assim o resultado final.

Desta forma o sonho do título ficou um tudo ou nada mais longe para o GD Tougues que está agora a onze pontos do topo da tabela e permitiu ao Bagunte FC cimentar o segundo lugar e manter a distância de seis pontos para o GD Árvore.