Como se tornar mais rápido no futebol

Ser mais rápido no futebol pressupõe que tenhamos que desenvolver quer velocidade máxima, quer agilidade. Estas capacidades, sendo otimizadas, podem fazer toda a diferença na qualidade e performance do jogador.

Sendo o treino algo específico, teremos que ter exercícios específicos para desenvolver cada uma das capacidades físicas acima descritas. Para isso, será necessário, entre outros aspetos:

  • O desenvolvimento de toda a musculatura de membros inferiores, bem como a resistência muscular;
  • Treinar a velocidade máxima, realizando, por exemplo, sprints (corridas em alta velocidade num curto período de tempo);
  • Desenvolver e/ou otimizar a coordenação dos membros superiores, que irá ajudar a maximizar a velocidade na corrida;
  • Treinar velocidade de reação fazendo, por exemplo, algum exercício imediatamente após um sinal;
  • Realizar exercícios de mudança de direção, com cones ou escadas de agilidade;
  • Treinar com bola, realizando exercícios que otimizem a velocidade, ao mesmo tempo que o jogador se vê obrigado a controlar a bola.

Uma lista de exercícios mais específicos para melhorar a velocidade máxima e agilidade poderão ser encontrados no próximo artigo.

É de realçar que o que foi referido acima só faz sentido se estivermos a falar dentro de um contexto, no qual uma prescrição de treino é realizada para cada jogador, tendo em conta toda a sua individualidade, conhecendo as suas limitações e sabendo o que é necessário melhorar, qual o volume e intensidade de treino mais adequados, bem como outras variáveis igualmente importantes como, por exemplo, alimentação, descanso e incorporação de cada treino à sua rotina/realidade.

Bons treinos!